Monthly Archive janeiro 2018

Byadmin

Nota sobre observação da “Lua Azul” em São Luís – 31-01-18

Por Antônio Oliveira
O Laboratório de Divulgação Científica “Ilha da Ciência” informa que em virtude de noticias veiculadas com informações de que no final do mês de janeiro ocorrerão os fenômenos astronômicos “Superlua”, “Lua Azul” e “Lua de Sangue”, todas juntas, explica que embora a observação em São Luís, como de todo hemisfério sul, não contemplará a observação da lua de Sangue, conhecida popularmente, que ocorre quando há uma eclipse lunar e quando o Sol, a Lua e a Terra estão em um mesmo plano.   O Laboratório “Ilha da Ciência” estará verificando a possibilidade e viabilidade de observações para o próximo dia 31/01, que pode acontecer ou não, dependendo das condições climáticas.
A Superlua acontece quando a lua, em sua fase cheia, fica mais próxima da Terra e Terra, lua e Sol estão em um mesmo plano, o que aparentemente, no horizonte, fique maior e mais brilhante do que em dias comuns.
A Lua Azul , na verdade, não é um fenômeno. E sim a expressão usada para designar a segunda lua cheia que ocorre em um mesmo mês. Isto ocorre em intervalos de dois anos devido a diferença no tempo de uma lua cheia até a próxima, de 29,5 dias e a duração dos meses que possuem de 28 a 31 dias.

 

 

Byadmin

Retrospectiva das ações do Laboratório “Ilha da Ciência”

Por Antônio Oliveira

No ano que findou explicamos a coloração alaranjado no céu, observamos o eclipse solar, os planetas Saturno, Júpiter, Vênus, Marte, as constelações de Antares e escorpião, o satélite Lua, em diferentes municípios, vimos mergulho na nave Cassini Realizamos a SNCT2017 no estado do Maranhão com o tema “A matemática está em tudo!”, participamos de eventos em Viana, Bacabal, Santa Inês, Timon, Belo Horizonte, Itapecuru e Arari.

Visitamos mais de 30 escolas de ensino médio e vários cursos de graduação. Fomos agraciamos com projetos, premio e honrarias. Iniciamos a página “Vida Ciência” em parceria o Jornal O Estado do Maranhão.

Analisamos que alcançamos diretamente mais de 50.000 pessoas. Tudo em prol da Divulgação e da popularização da Ciência, que neste momento de transição agradecemos a todos que contribuíram para nosso desempenho.

2018 vem com outros desafios.  A “Ciência para redução da Desigualdades” será o tema da SNCT2018. A Ciência Móvel percorrerá outros municípios, a SBPC será na terra das Alagoas e muitos eventos astronômicos acontecerão, e estaremos lá, com o principal objetivo de tornar a ciência um bem cultural, para que todos tenham acesso, indo aonde o povo está e lembrando que o show de cada cientista tem que continuar!. Contamos com todos. Feliz 2018. São os Votos de Antonio Oliveira e equipe do Ilha da Ciência.